Médicos demitidos da Santa Casa da Capital votam por encaminhar contraproposta ao empregador em assembleia realizada pelo Simers
25/02/2022 11:26 em DEFESA

Após a demissão de 19 médicos obstetras da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre e a possibilidade de desligamento de outros três trabalhadores, ocorrida no início de janeiro, o Sindicato Médicos do Rio Grande do Sul (Simers) avança nas negociações com o empregador. Assim, nesta sexta-feira, 4, a entidade realizou Assembleia Geral Extraordinária com este grupo de profissionais.

Presidida pela diretora Márcia Barbosa, a reunião teve por objetivo a apresentação da proposição do hospital para minimizar os danos causados aos obstetras que foram pegos de surpresa com o fechamento do setor. Por unanimidade, ficou decidido pelo encaminhamento de uma contraproposta à instituição de saúde. 

Simers não concorda com a decisão dos gestores da Santa Casa e busca, com argumentos, demovê-los da decisão. A entidade médica seguirá atuando para garantir os direitos destes médicos.

COMENTÁRIOS